Artigos e Publicações

Acompanhe as publicações nas redes sociais/blog e saiba um pouco sobre o que é tratado em sessões de terapia

Ansiedade Generalizada

A característica essencial é uma ansiedade excessiva e preocupação desproporcional ao estímulo; o foco da preocupação não é justificável para a intensidade da ansiedade. É um estado de ansiedade permanente com grande mal-estar e desconforto. É necessário diferenciar da ansiedade normal. Esta é restrita a determinado contexto e sua duração é relativamente curta, devido a uma adaptação à situação.
A ansiedade provoca tensão, apreensão, nervosismo, sofrimento mental, muito desconforto, tendência a premeditar e controlar o imprevisível que sempre se refere a possibilidades ruins e perigosas que possam acontecer no futuro. Os indivíduos com ansiedade generalizada estão sempre imaginando estas situações e sentem muita insegurança em relação a não terem capacidade de lidar com as mesmas.  As preocupações mais freqüentes são em relação a si mesmos e aos familiares mais próximos; como: doenças, acidentes, sofrimentos, etc. Os sintomas podem oscilar no tempo, fazendo com que a pessoa se sinta melhor em algumas ocasiões e pior em outras.
Diagnóstico
Esta ansiedade e preocupação tem que ocorrer na maioria dos dias por pelo menos 6 meses.
A pessoa acha difícil controlar a preocupação.  Deve apresentar três ou mais dos seguintes sintomas:
• Cansaço
• Ser facilmente fatigável
• Dificuldade de concentração
• Ter "Brancos"
• Irritabilidade
• Tensão muscular e dificuldade para relaxar
• Alteração do sono (dificuldade de pegar no sono, dificuldade de ficar com sono ou sono insatisfatório)

A ansiedade não pode estar relacionada a outro distúrbio psiquiátrico.  Causa importantes alterações nas diferentes áreas de funcionamento do indivíduo. Outros sintomas físicos relacionados à ansiedade são: sudorese excessiva, náusea, diarréia, boca seca, mãos e pés frios e úmidos, sensação de bolo na garganta, assustar-se facilmente, aumento da freqüência cardíaca, etc. Nos períodos normais de estresse, mesmo que bons (ex: mudança para emprego melhor), geralmente há exacerbação do quadro. Este quadro leva a prejuízos do funcionamento normal do indivíduo, quer seja social, acadêmico ou ocupacional.
Ocorre mais em mulheres do que em homens. Pode haver associação de outros distúrbios, como:
• Doenças da Tireóide
• Fobia Social
• Transtorno do Pânico
• Transtorno do Estresse Pós Traumático
• Transtorno Obsessivo Compulsivo
• Depressão

Tratamento
A Ansiedade Generalizada é um distúrbio crônico, podendo haver períodos pequenos de melhora, fazendo o paciente sofrer durante longos anos até procurar tratamento. É muito comum a busca de auto-tratamento, porém com resultados negativos.
O melhor tratamento é feito com antidepressivos e psicoterapia, (acompanhamento psicológico) porque além de melhores resultados, não criam dependência como os tranqüilizantes.
O prognóstico (resultado) é muito bom.

#Compartilhar

RUA AGNELO BITTENCOURT, 1221
sÃO FRANCISCO

aGENDAMENTO DE CONSULTAS

95 3624 1516 | 9168 3636